Feeds:
Posts
Comentários

Posts Tagged ‘Dança’

Balé Folclórico da Bahia

Programação para os meses de junho, julho e agosto de 2011.

Read Full Post »

Salvador será palco para o lançamento mundial do projeto “Bafrik: O que a Bahia tem a ver com a África?”. A proposta é promover o diálogo musical entre artistas baianos e africanos e terá início no dia 22/03, no Teatro Vila Velha (Campo Grande), com lançamento do website bafrik.com e concerto de música de câmara.

Através da criação do site, o projeto pretende possibilitar uma inédita rede social voltada à produção de música contemporânea, envolvendo compositores, intérpretes, produtores e críticos musicais baianos e africanos, iniciando e fortalecendo os diálogos entre o estado da Bahia e sua ‘Mãe África’.

O projeto Bafrik foi contemplado pelo Edital Cultura Digital da Fundação Cultural do Estado da Bahia (Funceb/SecultBA) e patrocinado pelo Fundo de Cultura da Bahia.

SERVIÇO
BAFRIK: O QUE A BAHIA TEM A VER COM A ÁFRICA?
Concerto de lançamento

Onde: Teatro Vila Velha, Passeio Público – Campo Grande
Quando: Terça, 22 de março de 2011, às 19h30
Quanto: Entrada franca

Veja matéria completa!

Read Full Post »

Espetáculos e oficinas gratuitos com o Grupo Toca Madera a partir do dia 18 de março


A CAIXA Cultural Salvador apresenta, de 18 a 27 de março (sextas, sábados e domingos), a companhia carioca “Toca Madera”, que apresentará três espetáculos de dança Flamenca: “Soleá”, “2/Duos” e “Transitório”. O grupo, formado por músicos e bailarinas do Rio de Janeiro, que estão juntos desde 2001, faz apresentação inédita em Salvador e, para isso, pretende apresentar o melhor do seu repertório à população baiana, nesta curta temporada, que inclui oficinas de música, dança e canto flamenco.

Soleá é um ritmo flamenco considerado “a mãe” de outros aos quais deu origem. Surgiu junto com o baile, sendo primeiramente dançado por mulheres. Para os integrantes do grupo Toca Madera, este ritmo é sinônimo de “puro”. Composto por números instrumentais, solos e bailes em grupo, o espetáculo Soleá mostra, por intermédio da música e da dança, as emoções que cada ritmo pode despertar; partindo do primitivo e profundo, e chegando ao Flamenco de festa.

2/Duos foi realizado com a intenção de criar encontros entre os elementos da música e da dança flamenca, na tentativa de ressaltá-los, valorizando assim o que cada um pode ter de mais essencial.  A primeira parte acontece como um jogo de duplas, inspirado pelo poema “Traduzir-se”, de Ferreira Gullar, nas vozes do próprio autor e do ator Paulo José. Na seqüência, com a entrada de mais uma bailarina e um novo instrumento – o violoncelo, a estrutura proposta anteriormente é rompida. O jogo é ampliado e passa a explorar as combinações possíveis de som e movimento. Torna-se um duo entre música e dança, no qual todos participam da cena.

Transitório tem como ponto de partida o desejo de dar prosseguimento à pesquisa corporal e musical do grupo Toca Madera, na fusão entre o flamenco e outros elementos cênicos.  A proposta do espetáculo é manter os intérpretes em um fluxo ininterrupto de movimento, criando um jogo que embaralhe as noções de espaço-tempo no qual, tanto os limites tradicionais da cena quanto a linearidade narrativa, se estilhassem compondo mosaicos de sensações, impulsionados pela dança e pela música. O início e o fim de cada “quadro”, e do espetáculo como um todo, não são facilmente reconhecíveis, promovendo a sensação de uma permanente transitoriedade, paradoxo que impulsiona a pesquisa.

Atividades Complementares
Além dos espetáculos, haverá palestra/bate-papo para 50 inscritos no dia 27/03, às 20h30, para a classe artística, estudantes de dança, música e teatro, e interessados em flamenco de modo geral.

As oficinas para iniciantes oferecem aos participantes um contato com os princípios da linguagem flamenca, abordando elementos vocais, musicais e corporais. É destinada a interessados em música e dança, a oficina se divide em módulos específicos:
– Dança (técnica de sapateado, braços e mãos, giro e coreografia);
– Canto flamenco (técnica vocal e melodia “por tangos y bulerías”) ,e;
– Música (dividido em “Ritmo e percussão” e violão).
Por seu caráter abrangente, o flamenco estabelece relações com áreas diversas, como teatro, dança e música.

Oficinas:
– 1 hora e meia de dança; 1 hora e meia de técnica vocal; 2 horas de ritmos e percussão; 1 hora e meia de violão (total: 6 horas e meia). As oficinas acontecem aos sábados e domingos, com até 30 participantes por módulo. As inscrições devem ser feitas previamente pelo telefone: (71) 3421-4200 ou pessoalmente na CAIXA Cultural Salvador – Rua Carlos Gomes, 57, Centro, de segunda a domingo, das 9h às 18h.

Sábado
Das 10h às 11h30 – Dança Flamenca para iniciantes (levar sapatos fechados)
Das 11h30 às 12h30 – Percussão (levar Cajón)
Das 12h30 às 14h – Técnica vocal no flamenco e cantos flamencos diversos

Domingo
Das 10h às 11h30 – Dança Flamenca para iniciantes (levar sapatos fechados)
Das 11h30 às 12h30 – Percussão (levar Cajón)
Das 12h30 às 14h – Guitarra flamenca para iniciantes (necessário ter noções de como tocar violão e levar instrumento próprio)

Serviço:
Espetáculo: Grupo Toca Madera – Performances:  Soleá, 2/Duos e Transitório
Direção: Clara Kutner
Apresentações:
Soleá: 18 e 25 de março (sextas-feiras)
2/Duos: 19 e 26 de março (sábados)
Transitório: 20 e 27 de março (domingos)
Horário: 19h30Local: Anfiteatro da CAIXA Cultural SalvadorEndereço: Rua Carlos Gomes, 57, Centro – Salvador (BA)
Censura: Livre
Acesso: Gratuito
Participação na palestra e Oficinas: Inscrição pelo telefone: (71) 3421-4200 das 10h às 17h
Realização: Toca Madera
http://www.caixa.gov.br/caixacultural
CONTATO PARA ENTREVISTAS: Ana Zalcbergas (71) 3421-4200 – Gerente da CAIXA Cultural Salvador.

Read Full Post »

Read Full Post »

Read Full Post »

Read Full Post »

Estão Voltando as Flores, espetáculo de dança da Companhia Tran Chan, faz apresentação única no município de Nova Viçosa, interior da Bahia, neste sábado, 11 de dezembro, às 20 horas, no Centro de Treinamento para Professores de Nova Viçosa, com entrada franca.

Selecionada na edição 2009 do edital Ninho Reis – Apoio à Circulação de Espetáculos de Dança, promovido pela Fundação Cultural do Estado da Bahia (FUNCEB), unidade da Secretaria de Cultura do Estado (SecultBA), a montagem presta uma homenagem às divas do rádio e integra o projeto As Flores pela Bahia Ano II, que, em 2011, irá ainda chegar às cidades de Vitória da Conquista e Itapetinga.

Abrangendo as áreas de dança, vídeo e fotografia, com produção desenvolvida entre a capital e o interior do estado, a circulação de Estão Voltando as Flores prevê ainda duas oficinas gratuitas, que antecedem o espetáculo.

A Oficina de Dança, com 20 vagas, acontece nesta sexta, 10 de dezembro, das 9 às 13 horas; já a de Operação de Som, com 10 vagas, será feita no sábado, 11 de dezembro, das 14 às 18 horas. Os interessados podem se inscrever na Secretaria de Educação e Cultura de Nova Viçosa (informações pelo telefone 75 8806-0218).

Edital Ninho Reis – Apoio à Circulação de Espetáculos de Dança

Direcionado à concessão de apoio a projetos de circulação de espetáculos de dança, de grupos, companhias e/ou artistas independentes baianos, o edital concede premiações de até R$ 60 mil, disponibilizando um total de R$ 540 mil, mediante recursos do Fundo de Cultura da Bahia (FCBA), para seleção de nove propostas.

Os proponentes são selecionados a partir de circuitos pré-definidos, que envolvem três Territórios de Identidade da Bahia cada, por onde eles devem realizar apresentações e atividades de formação, em ao menos uma cidade de cada território.

 

SERVIÇO

O Que: Estão Voltando as Flores
Onde:
Centro de Treinamento para Professores de Nova Viçosa (Bahia)
Espetáculo: 11/12 (sábado), 20h
Oficinas: Dança – 10/12 (sexta), 9h às 13h; Operação de Som – 11/12 (sábado), 14h às 18h
Quanto: Gratuito
Informações: 75 8806-0218

Read Full Post »

Older Posts »