Feeds:
Posts
Comentários

Posts Tagged ‘programação’

Programação (sábados, domingos e feriados):

OS TRÊS PORQUINHOS | 15h

Adaptação e direção – Gil Santana

A história de ‘Os três porquinhos’ se passa numa fazenda na entrada de uma floresta. Os porcos entram cantando, estão indo par a um pic nic , quando encontra o Caçador atrapalhado Chico Chicó , que lhes avisam que o Lobo mal fugiu do zoológico e está solto. Apavorados eles resolvem que tem que fazer alguma coisa para se protegerem, é quando aparece o Lobo mau e quase os devoram mais espertos eles fingem de desmaios e até atacam de Pokémon, heróis dos porcos, a onde eles aprenderam alguns gestos de karatê. Assim eles conseguem fugir, e resolvem que vão construir casas, o primeiro porco Heitor muito preguiçoso, resolve que vai fazer casa de palha, pois encontram seu ‘Palhinha’ e pega palha com ele. O Cícero resolve fazer de madeira, também comprando madeira nas mãos de seu Palhinha, o terceiro porco, O Pratico, muito inteligente e serio e nada preguiçoso resolve que vai comprar tijolos e que vai construir sua casa com segurança mesmo que demore muito tempo. Assim eles constroem suas casas e o lobo aparece. Derruba a casa de palha, também a casa de madeira, mas não conseguem derrubar a casa de tijolos. Os dois irmãos pedem ajuda a Pratico que resolve que eles vão pegar o porco. Arma um plano e aí o lobo quando aparece é pego pelos porcos.

Elenco: Guilherme Guido Junior, Gil Santana, Ana Karla Rodrigues, Nina Nunes, Victor Fernandes

O PEIXINHO XEXEU E A GATINHA FIFI | 16h

Autoria e direção – Gil Santana

O peixinho xexéu vive no mar com sua mãe, uma cantora de operas. O seu grande sonho é conhecer o mundo dos homens. Isso acontece, quando a sereia,rainha do mar, manda que ele encontre a caixinha que purifica as águas da poluição. Ele vem para a terra e começa a ver que o mundo não é exatamente o que ele sonhava e conversava com sua amiga nuvem. Assim como no mar, a terra, a Floresta está preocupada com a poluição e sofrendo suas consequências. Disposto a cumprir a sua missão, ele em sua aventura, se deixa encantar com a gatinha Fifi, que está disposta a ajudá-lo. Só que eles terão que enfrentar o terrível Zé gatão e sua banda de gatos que querem pegar o peixe para almoço. Só a nuvem vaporosa poderá salvar o peixinho.

Elenco : Gil Santana, Guilherme Junior, Ana Karla Rodrigues, Thayse Luz, Victor Fernandes , Tayná Costa e Nina Nunes

BRANCA DE NEVE E OS SETE ANÕES | 17 h

Dos irmão Grimmn

Adaptação e direção – Gil Santana

A história da bela menina branca como a neve, cabelos pretos como a noite e boca vermelha como o sangue, que com sua beleza desperta a fúria e a maldade de sua madrasta malvada, que quer matá-la. Branca com a ajuda do caçador foge para a floresta e encontra sete Anões amigos dispostos a ajudá-la. Mas a Rainha malvada logo descobre pelo espelho mágico que ela está viva e disfarçada de velhinha, vem lhe r vender maças envenenadas. Só um príncipe poderá salva-la.

Elenco – Guilherme Guido Junior, Gil Santana, Nina Nunes , Nanda Boaventura, Victor Fernandes, Thaise Luz , Ana Rodrigues , Tayná Costa , Vivian Santana, Edvan Soares e Dandara Correia

O CASAMENTO DE DONA BARATINHA | 18h

Conto popular português

Adaptação e direção – Gil Santana

Dona Baratinha vivia sonhando em se casar. Mas ninguém lhe queria namorar. Um dia ela arrumando sua casinha, achou um baú cheio de moedinhas. A noticia logo se espalhou. A baratinha famosa ficou. Toda alegre e feliz, ela se arrumou, com laços de fitas na cabeça e foi pra janela. Ela e logo começou a cantar:”Quem quer casar com a dona Baratinha, que tem fita no cabelo E tem dinheiro na caixinha?” Foi ai que começou a confusão, todos queriam agora com ela casar, passou o boi, o burro, o cabrito, mas todos eles com suas vozes estridentes, a sensível baratinha assustava. Já achando que não se casaria, aparece então o melhor partido da cidade, Dom Ratão, e com sua voz de ratinho conquista a linda baratinha. O casamento é marcado para dias depois. O banquete é organizado, doces, salgados e uma grande feijoada, feito pelo melhor chef dos pais, mestre Macaquê, renomado cozinheiro francês, contratado especialmente para a ocasião. Mas Don ratão muito guloso, antes de ir para o casamento, resolve provar um pouco da feijoada.

Elenco: Guilherme Guido Junior, Nina Nunes, Victor Fernandes, Tayná Costa ,Ana Karla Rodrigues e Gil Santana

INFORMAÇÕES GERAIS:

Endereço:
Teatro Gil Santana AGORA NO CABALLEROS DE SANTIAGO
Rua da Paciência, 441 – Rio Vermelho
Tels: 3489 2917 – 9933 6317

Programação
Quando: Aos Sábados, DOMINGOS e feriados
INGRESSOS: R$ 20,00 (inteira) e R$ 10,00 (meia)

Site: www.teatrogilsantana.com
Blog: http://teatrogilsantana.wordpress.com/
Email: gilsantana@uol.com.br

Read Full Post »

Diferente da televisão e do cinema, o teatro é um local em que vemos as inúmeras expressões e emoções humanas serem apresentadas ao vivo, sem cortes ou efeitos. É um faz de conta real que se desenrola bem em frente aos nossos olhos, e que, em alguns casos, há a possibilidade de interação.

Explicar sua “magia” e “encantamento” é um trabalho árduo com possibilidades de milhares de linhas, que não chegariam perto da experiência que é estar presente em uma encenação.

As obras teatrais sempre passam uma mensagem ao público, que por estar presente ao local, acabam tendo uma experiência em conjunto, conseguindo entender de modo mais profundo, a proposta de uma produção.

Se gostamos do que foi assistido e vivenciado, certamente sairemos do local com uma experiência a mais de vida, que estará em nossas lembranças por uma duração de tempo bem maior, do que, por exemplo, apenas assistir a um filme qualquer enquanto estamos jogados em nossas sofás.

Em Camaçari, onde está situado o Teatro Cidade do Saber, ir a um espetáculo é, além de consumir arte, a valorização de um equipamento que nos proporciona estarmos mais próximos de bens culturais. É um orgulho a mais, pois estaremos sempre exercitando nossa capacidade de compreensão e crítica ao mundo.

Assim, no próximo 27 de março, o mundo comemora o Dia do Teatro, momento em que vários lugares do globo prestam homenagens a uma arte que, apesar de milenar, nunca saiu de moda.

Comemore você também esta data, prestigiando os nossos espetáculos, transformando a vida cultural de Camaçari em uma das mais interessantes do Brasil.

Confira a nossa programação para o mês de abril:

“Farinha pouca meu pirão primeiro”
Data: 02 e 03 de abril (sábado às 20h e domingo às19h)
Texto e Direção: Tato Tavares
Elenco: Gelton Alves e Katson Freitas
Censura: 12 anos
Valor: R$ 20,00 (inteira) e R$ 10,00 (meia)
Ingressos a venda nos dias: 01/04, das 14h às 18h, e 02 e 03/04, das 14h até o horário do espetáculo.

“A menina e o palhaço”
Data: 09 e 10 de abril (sábado e domingo às 17h)
Texto e Direção: Vânia Costa
Elenco: Tábatta Iori e Guilherme Maciel
Censura: Livre
Valor: R$ 10,00(inteira) e R$ 5,00 (meia)
Ingressos a venda nos dias: 08/04, das 14h às 18h, e 09 e 10/04, das 14h até o horário do espetáculo.

“Os Campeões”
Data: 15 e 16 de abril (sexta-feira e sábado às 20h)
Texto e Direção: Francis Mayer
Elenco: Julio Oliveira, Michel Max, Maurício Silveira e Cleiton Morais
Censura: Livre
Valor: R$ 30,00 (inteira) e R$ 15,00 (meia)
Ingressos a venda nos dias: 14/04 das 14h às 18h, e 15 e 16/04 das 14h até o horário do espetáculo.

“Casa número nada”
Data: 26 e 27 de abril (terça e quarta-feira às 15h)
Texto: Mariana Freire e Fábio Vidal
Direção: Fábio Vidal
Elenco: Mariana Freire
Censura: 16 anos
Ingressos gratuitos direcionados para alunos da rede pública municipal de ensino de acordo com a censura.

Fonte: Daniel Quirino/ Ascom Cidade do Saber

Read Full Post »

Durante todo o mês, o Tetro Gamboa Nova realiza o Abril O Corpo, programação especial em comemoração ao mês da Dança, que em sua 4º edição traz onze espetáculos, palestras, performances, oficina, vídeo e encontros desafiadores entre dançarinos e músicos. Para definir as atrações do evento, o teatro firmou parceria com os coreógrafos Luiz de Abreu e Thiago Enoque e a Cia ObCena de Artes.

Quarta-feira:
Bate-papos Corpóreos

Os alunos da oficina Dança Que Eu Falo realizam performance de abertura e os profissionais convidados comentam a apresentação e falam sobre panorama da Dança.

Dia 06/04 (quarta-feira) – 20h
David Iannitelli, professor da Escola de Dança da UFBA
Marcelo Sousa Brito, diretor e ator

Dia 13/04 (quarta-feira) – 20h
Gilsamara Moura, coreógrafa e dançarina
Fernanda Paquelet, diretora e atriz
Entrada Gratuita

Quinta-Feira:
Quinto Quarto à Direita

Espetáculo com a atmosfera de cabaré apresenta esquetes, números de dança, canto e improvisações com os intérpretes-criadores Dandara Baldez, Heyder Moura e Roberta Rox.

Serviços:
Dias: 07/04 (quinta)
Horário: 20h
Valor: R$10 e R$5 (meia)
Onde: Teatro Gamboa Nova
Classificação: 16 anos
Informações: (71) 3329-2418

Dois pontos e vírgula (: ,) e Bolero de 4

No primeiro solo, o intérprete-criador Tiago Ribeiro trata da imagem vista e a imagem construída no pensamento. No segundo trabalho, o encontro inusitado entre dança e a prática esportiva BMX, no qual o ciclista-performer Rafael Neto faz acrobacias coreografadas com a bicicleta no Mirante dos Aflitos (próximo ao Gamboa Nova). Direção: Luiz De Abreu

Serviços:
Dias: 14/04 (quinta)
Horário: 20h
Valor: R$10 e R$5 (meia)
Onde: Teatro Gamboa Nova
Classificação: 14 anos
Informações: (71) 3329-2418

Sexta-feira:
Espetáculo e BM (Banheiro Masculino)

Em Espetáculo, o intérprete-criador mineiro Luiz de Abreu traça um paralelo entre as vivencias dos escravos e a realidade dos negros hoje em dia. A montagem foi construída a partir de fotografias e documentos da época do Brasil Colônia e registros atuais de racismo. Em BM, o dançarino Thulio Guzmam fala, em seu solo,sobre as transgressões em sanitários públicos, onde as regras heteronormativo se impõem, mas mesmo assim homens mantêm relações sexuais entre si e transborda nas paredes e nas portas escritos que expressam o desejo pelo mesmo sexo.

Serviços:
Dias: 01 e 08/04 (sexta-feira)
Horário: 20h
Valor: R$10 e R$5 (meia)
Onde: Teatro Gamboa Nova
Classificação: 18 anos
Informações: (71) 3329-2418

Espetáculo e Corpo Quiasma

Em Espetáculo, o intérprete-criador mineiro Luiz de Abreu traça um paralelo entre as vivencias dos escravos e a realidade dos negros hoje em dia. A montagem foi construída a partir de fotografias e documentos da época do Brasil Colônia e registros atuais de racismo. A observação da sociedade também inspirou Inaê Moreira na concepção de Corpo Quiasma, que discorre sobre o olhar na Era da Iconofagia. De acordo com ela, vivemos num tempo em que as pessoas se alimentam de imagens e as imagens se alimentam das pessoas. Então, a intérprete-criadora discute o consumo acelerado das figuras num mundo globalizado e, conseqüentemente, o excesso da visibilidade que cega a percepção das pessoas para o corpo real, que as levam a assumir uma estrutura virtual.

Serviços:
Dias: 15 e 22/04 (sexta-feira)
Horário: 20h
Valor: R$10 e R$5 (meia)
Onde: Teatro Gamboa Nova
Classificação: 14 anos
Informações: (71) 3329-2418

Sábado:
Fuiaco – Um Fuinho na Paiede – Cia ObCena de Artes – Infantil

Espetáculo de dança contemporânea baseado no universo encantado de homens, bichos e criaturas fantásticas que se misturam com as luzes e a música para criar uma dramaturgia lúdica.  Assim, a coreografia coletiva da Cia ObCena de Arte constrói e reconstrói, como um quebra-cabeça, figuras corporais que se completam.

Serviço:
Quando: 02 a 30/04 (sábado)
Horário: 17 horas
Valor: R$10 e R$5 (meia)
Onde: Teatro Gamboa Nova
Classificação: livre
Informações: (71) 3329-2418

Espetáculo e Autólise

Em Espetáculo, o intérprete-criador mineiro Luiz de Abreu traça um paralelo entre as vivencias dos escravos e a realidade dos negros hoje em dia. A montagem foi construída a partir de fotografias e documentos da época do Brasil Colônia e registros atuais de racismo. Em Autólise, o intérprete-criador brasiliense, Thiago Enoque, utiliza como ponto de partida para a construção da coreografia o consumismo excessivo das pessoas, na biologia, autólise é destruição da célula por suas próprias enzimas, o que gera um processo de auto-ingestão, autoconsumo.

Serviços:
Dias: 02, 09, 16 e 23/04 (sábado)
Horário: 20h
Valor: R$10 e R$5 (meia)
Onde: Teatro Gamboa Nova
Classificação: 18 anos
Informações: (71) 3329-2418

Domingo:
Toca Que Danço, Dança Que Eu Toco

Na apresentação o músico executa uma trilha enquanto o dançarino é desafiado a criar uma coreografia na hora, sem ensaio prévio. Num dado instante, os papéis se invertem, o dançarino desenvolve os movimentos para o músico criar um tema improvisado. Esse ano, os “duelos” são entre

Dia 03 (domingos) – Cia ObCena de Artes  x Frank Negrão

Dia 10 (domingos) – GDC (Grupo de Dança Contemporânea da UFBA) x Giba Conceição

Serviços:
De: 03 a 24/04 (domingo)
Horário: 17h
Valor: R$10 e R$5 (meia)
Onde: Teatro Gamboa Nova
Classificação: livre
Informações: (71) 3329-2418

O que é o Teatro? – exposição

Vinte e cinco painéis apresentam textos didáticos, fotografias e ilustrações coloridas e em preto e branco, sobre os aspectos relevantes dos mais de 2.500 anos da história (ou histórias) do teatro, desde a Grécia até a atualidade. A mostra produzida pelo Programa Território Artes da Direção Geral das Artes do Ministério da Cultura de Portugal visa ser fonte de descoberta do fazer teatral e estímulo para as pessoas irem ao teatro. “Em Portugal, a exposição ocorreu simultaneamente em quase todos os municípios do país, ocupando inclusive espaços alternativos como o metro. O resultado foi muito positivo”, informa o diretor teatral e responsável por trazer a exposição para Bahia, Mauricio Pedrosa. Ele destaca que os criadores da mostra procuraram encontrar um modo apropriado para falar de uma arte que se caracteriza pela confluência de diversas linguagens, a efemeridade das suas práticas e a repercussão social e cultural que possui.

Serviço:
Quando: até 30/04
Galeria Jayme Fygura
Visitação: de quarta a domingo, a partir das 16 h até às 20h
Entrada gratuita
Classificação: livre
Informações: (71) 3329-2418

Mais informações: www.teatrogamboanova.com.br

Read Full Post »

Read Full Post »

Read Full Post »

A programação do Teatro Gamboa está tão quente quanto o verão. Confie algumas das atrações e espetáculos

Foto: Danilo Bandeira

O Mala Nada na Lama com Grupo Ditirambos – Teatro
A peça conta a história de três personagens de mundos diferentes que se interligam segundo a ordem natural estabelecida do universo. A montagem, primeira investida do grupo Ditirambos no palco, conta as histórias de Dalua (Du Vado Jr.), um pobre coitado que sai de sua terra natal e vem para a cidade grande em busca de um trabalho. Na cidade, ele conhece Direito (Rangell Souza), um mau-caráter metido a malandro, que planeja como fazer seus assaltos para ficar rico, com quem dividirá um galpão abandonado, e Ana Flor (Ana Paula Brasil), uma menina de 16 anos, classe média e viciada em crack. Durante a peça, eles discutem sobre suas vidas, trabalho e perspectivas, mantendo uma relação conflituosa. Na tentativa de melhorar de vida, são forçados à realização de atos, sucessões inevitáveis de acontecimentos, que modificará radicalmente seus destinos. Texto e direção: Bertho Filho

Serviço:
Quando: 12 a 26/01 (quarta-feira)
Horário: 20h
Valor: R$ 10 (inteira) R$ 5 (meia)
Onde: Teatro Gamboa Nova
Classificação: 14 anos
Informações: (71) 3329-2418
www.teatrogamboanova.com.br

Rosário
com Felícia Castro – Teatro
O solo é uma fábula de mulheres, deusas e animais contada em forma de ritual. A atriz Felícia de Castro coroa o público com uma interpretação intensa que esbanja feminilidade e aborda aspectos da presença do sagrado nas manifestações culturais afro-brasileiras. Rosário se inspira, em especial, na simbologia da coroação de reis negros, sempre viva nos congados mineiros e em outros folguedos brasileiros. Ancorado no contato com manifestações populares como os reisados e romarias da região do Cariri, na pesquisa vocal e na força dos cantos tradicionais, a montagem manifesta um ritual feminino e poético. Através de canções e explosões de textos, a atriz traz à cena um rosário de mulheres em uma única prece. Direção Demian Reis.

Serviço:
Quando: 14 a 29/01 (sexta e sábado)
Horário: 20h
Valor: R$ 10 (inteira) R$ 5 (meia)
Onde: Teatro Gamboa Nova
Classificação: 14 anos
Informações: (71) 3329-2418
www.teatrogamboanova.com.br

Foto: lara Lins

Suzana Bello no show Bem BrasileiroMúsica
A cantora carioca estréia o show Bem Brasileiro com um repertório leve que explora ritmos da palavra e da música nacional. Para o novo trabalho, Suzana Bello selecionou canções como Yúna, de Reinaldo Sepúlveda, que lhe rendeu o prêmio de Melhor Intérprete no VII Festival de Música Educadora 2009; Logunedé, de Gilberto Gil; Barabare, de Carlinhos Brown; Esconjuros, de Guinga e Aldir Blanc; Liguei o rádio, de Valter Queiroz; e Madalena, de Luiz Brasil, que vai ser lançada por ela. Suzana também interpreta compositores ainda desconhecidos.

Com direção musical de Ldson Galter, o show conta com a participação dos músicos Alex Mesquita (violão e guitarra); Ldson Galter (contrabaixo); Bruno Aranha (teclado); André Becker (sax e flauta), Tito Oliveira (bateria) e Sebastian Notini (percussão).

Serviço:
Quando: 20 a 27/01 (quinta-feira)
Horário: 20 horas
Onde: Teatro Gamboa Nova
Valor: R$10 e R$5 (meia)
Classificação: livre
Informações: (71) 3329-2418

Read Full Post »

Read Full Post »

Older Posts »