Feeds:
Posts
Comentários

Posts Tagged ‘Secult-BA’

Estão abertas as inscrições para o edital Conexão Vivo na Sala do Coro, projeto regional de música que integra a plataforma nacional do programa Conexão Vivo 2010. Serão selecionados 10 artistas ou bandas da Bahia, sendo sete de Salvador e os outros três do interior, para uma série de shows na Sala do Coro do Teatro Castro Alves (TCA), de julho a novembro deste ano. Músicos, cantores, bandas e DJs que queiram participar do projeto baiano podem se inscrever gratuitamente até o dia 31 de maio.
O projeto Conexão Vivo na Sala do Coro é resultado de uma articulação público-privada entre Fazcultura da Secretaria de Cultura e apoio da Fundação Cultural do Estado da Bahia (Funceb), TCA e programa idealizado pela Vivo.
A seleção será feita por uma comissão curadora composta por três integrantes de reconhecida atuação no segmento da música.
PROGRAMAÇÃO
As apresentações terão início no dia 12 de julho e serão realizadas sempre em duas segundas-feiras de cada mês, às 20h, até novembro. O ingresso custará R$ 2 (inteira) e R$ 1 (meia), à venda na bilheteria do TCA. O projeto tem patrocínio da Vivo através do Programa FazCultura e apoio do Teatro Castro Alves. A realização é da Cria Cultura e da Janela do Mundo e a co-produção é da TAG Produções.
Mais informações: www.conexaovivo.com.br

Anúncios

Read Full Post »

A Fundação Cultural do Estado da Bahia – FUNCEB, unidade da Secretaria de Cultura do Estado – SecultBA, promove o I Seminário sobre Educação Musical, iniciativa que visa colocar em debate a importância da educação musical nas escolas e a utilização de acervos de música como ferramenta de aprendizagem. Esta ação, além de contribuir para a elucidação de temas relacionados à educação e à música, irá aproximar a comunidade, alunos e educadores, da Casa da Música, espaço cultural administrado pela FUNCEB, que trabalha, durante todo o ano, com o fomento a esta linguagem artística, utilizando-a como meio de inclusão e formação social. O Seminário se realiza em duas datas: 13 e 20 de maio (quintas-feiras), das 9 às 12 horas e, em seguida, das 14 às 17 horas.
Pensando nisso, este I Seminário sobre Educação Musical tem como público-alvo coordenadores pedagógicos, gestores, professores, estudantes e quaisquer outros interessados nos temas abordados. No primeiro dia (13 de maio), além de exibição de filmes da videoteca da Casa da Música e apresentações especiais, serão discutidos os temas “O espaço e acervo da Casa da Música como ferramenta de diálogo sobre música e identidade cultural” e “Educação musical e arte-educação nas escolas”.

I Seminário sobre Educação Musical

Quando: 13 e 20 de maio (quintas-feiras), das 9 às 12 horas e das 14 às 17 horas
Onde: Casa da Música (Parque Metropolitano do Abaeté – Itapuã)
Gratuito
Programação completa
13 de maio
09h00 – Abertura / Apresentação cultural
09h30 – “O espaço e acervo da Casa da Música como ferramenta de diálogo sobre música e identidade cultural” (com Amadeu Alves, Norma Cardinf e Giuliana Kauark)
10h00 – Filme
10h30 – “Educação musical e arte-educação nas escolas” (com Katharina Doring)
14h00 – Apresentação cultural
14h30 – “O espaço e acervo da Casa da Música como ferramenta de diálogo sobre música e identidade cultural” (com Amadeu Alves, Norma Cardinf e Giuliana Kauark)
15h00 – Filme
16h00 – “Educação musical e arte-educação nas escolas” (com Katharina Doring)
20 de maio
09h00 – Apresentação cultural
09h30 – “O espaço e acervo da Casa da Música como ferramenta de diálogo sobre música e identidade cultural” (com Amadeu Alves, Norma Cardinf e Gilberto Monte)
10h00 – “A importância do ensino das artes na escola (Lei nº 11.769)” (com Flávia Candusso e Manuel Calazans)
14h00 – Apresentação cultural
14h30 – “A música como recurso de ensino e aprendizagem na escola” (com Beto Portugal)

Read Full Post »

O Teatro Castro Alves comemora 15º ano da Série com atrações dos Estados Unidos, Rússia, Polônia, Japão e Brasil,  juntamente com a Secretaria de Cultura e a Fundação Cultural do Estado. O projeto que tem inserido a Bahia no circuito internacional de grandes espetáculos, trazendo para a Sala Principal do TCA alguns dos mais renomados artistas e companhias de dança, música e teatro. Para este ano, a programação reúne o clássico e o contemporâneo, celebrando a trajetória de sucesso do projeto.

Read Full Post »

HISTÓRIA SÓCIO-ECONÔMICA DA BAHIA
A AFRODESCENDÊNCIA

O Museu Carlos Costa Pinto apresenta em 4 módulos o curso
com abordagem da afrodescendência na História da Bahia e
aspectos sócio-econômicos e artísticos. O 1º módulo foi realizado
no mês de abril. Segue a programação do 2º módulo:

PROGRAMAÇÃO
2º Módulo – MAIO
Dias: 10, 11, 12, 13 e 14 de maio
Tópicos de História Socio-Econômica – Prof. Ms. Jailton Lima Brito
– A Bahia Colonial (XVI – XVIII);
– A Bahia na transição para o Estado Nacional (1789 – 1837);
– Resistência escrava, abolição e pós-abolição na Bahia (XIX);
– O “enigma baiano” (XIX – XX);
– Novos ventos sobre a Bahia: industrialização e reafricanização (XX).
Coordenação: Profa. Ms. Selma Fraga Costa
Será fornecido certificado por cada módulo.

Local: Auditório do Museu Carlos Costa Pinto
Horário: 17 às 19 horas
Carga horária de cada módulo: 10 horas
Taxa única: R$ 60,00 por módulo
Inscrição: Setor Educativo (de segunda a sexta, exceto terça-feira)
das 14:30 às 19:00 horas.
Tel.: (71) 3336-6081
Vagas Limitadas.
Av. Sete de Setembro, 2490 – Corredor da Vitória – Salvador – Bahia

SEMANA NACIONAL DE MUSEUS – 8ª edição
MAIO de 2010

Dias: 17 a 22 de maio
PROGRAMAÇÃO
17/05 – Lançamento da campanha Museu Costa Pinto por um São João Solidário.
– Doação de agasalhos destinados a entidades carentes (as doações podem ser
feitas no horário de funcionamento do Museu).
18/05 – 15:00h – Oficina de Porta-Bouquet para o Grupo “Conviver em Narandiba”
19/05 – 17h – “Museus para a harmonia social” – mesa redonda com Maria Ignez
Mantovani (membro da diretoria do ICOM Brasil), e os professores da UFBA,
Joseania Freitas e Marcelo Cunha.
20/05 – 15:30h – Matinée especial no Museu: Filme “Rebeca – a mulher inesquecível”
21/05 – 15:30h – Exibição do filme “Uma noite no Museu” – para a comunidade
22/05 – 17h – Happy Hour no Balangandan Café com a cantora Betânia Parente e
Alemão no teclado.

CINEMA NO MUSEU CARLOS COSTA PINTO
MAIO de 2010 – 15:30 horas
06/05 – Crepúsculo dos Deuses – 15:30 horas
William Holden, Gloria Swason, Erich von Stroheim
Diretor: Billy Wilder
Gênero: Drama | Duração: 110 min. | Ano: 1950
20/05 – Rebeca, a mulher inesquecível… vencendor de 2 Oscars – 15:30 horas
(Matinée especial – Entrada Franca só para este filme)
Laurence Olivier, Joan Fontaine, George Sanders
Diretor: Alfred Hitchcock
Gênero: Suspense| Duração: 130 min. | Ano: 1940
27/05 – A Estranha Passageira (Dublado) – 15:30 horas
Bette Davis, Paul Henreid, Claude Rains
Diretor: Irving Rapper
Gênero: Drama| Duração: 117 min. | Ano: 1942
JUNHO de 2010 – 15:30 horas
10/06 – Sangue e Areia – 15:30 horas
Tyrone Power, Linda Darnell, Rita Hayworth
Diretor: Rouben Mamoulian
Gênero: drama| Duração: 125 min. | Ano: 1941
17/06 – O Prisioneiro de Zenda – 15:30 horas
Ronald Colman, Douglas Fairbanks Jr.
Diretor: John Cromwell, W. S. Van Dyke
Gênero: Aventura, Drama, Romance | Duração: 101 min. | Ano: 1937
Local: Auditório do Museu Carlos Costa Pinto
Ingresso: R$ 5,00 (preço único)

ENCONTROS NO MUSEU-OS MESTRES E SUAS DISSERTAÇÕES
A partir do mês de julho até dezembro de 2010, o Museu Carlos Costa Pinto
marcará um encontro por mês, sempre às sextas-feiras, com mestres de nossas
universidades, que apresentarão suas temáticas e a construção de seus projetos
de dissertação. Cada encontro terá um tema singular e instigante. Será uma
excelente oportunidade de estabelecer um diálogo entre a Academia e o público.
PROGRAMAÇÃO
30/07 – Trabalhar, Defender e Viver em Salvador o século XVI
Profa. Ms. Patrícia Verônica Pereira dos Santos
27/08 – Equilíbrio distante: a mulher, a medicina e o asilo. Bahia: 1874-1912
Profa. Ms. Vera Nathália Silva de Tarso
17/09 – Repercurssões da Arte-Educação na Formação de Pedagogos
Profa. Ms. Dionne Guimarães Barreto
22/10 – De barão a coronel: trajetória política de um líder conservador na Bahia. 1838-1903
Prof. Ms. Alvaro Pinto Dantas de Carvalho Junior
19/11 – Entre a Cruz e o trabalho – a exploração da mão-de-obra indígena no Sul da Bahia (1845-1875)
Profa. Ms. Telma Mirian Moreira de Souza
17/12 – A Masculinidade na Escola: Colégio Antonio Vieira (1911-1949)
Prof. Ms. Jorge Bispo Jr.

Local: Auditório do Museu Carlos Costa Pinto
Horário: 17 às 18:30 horas.
Público: Livre
ENTRADA FRANCA
Será fornecido Certificado.
Tel.: 71 3336-6081 (ramal 5)
Av. Sete de Setembro, 2490 – Corredor da Vitória
As programações culturais do Museu Carlos Costa Pinto contam com o apoio da Secretaria da Cultura do Estado da Bahia.

Read Full Post »

Delegações de pelo menos sete países já confirmaram presença na Bahia e devem participar, entre os dias 26 e 30 de maio (2010), do “Capoeira de Saia-2010- Edição Mundial”, programa de capacitação em capoeira que reúne mulheres praticantes da capoeira e de áreas afins, para atividades como palestras, festivais, excursões, cursos de extensão e vivências, ministradas pelos maiores mestres desta arte no Brasil. A palestra de abertura no dia 26, às 19h3omin, será de Mãe Stella de Oxossi, do Ilê Axé Ôpo Afonjá, no Forte de Santo Antônio além do Carmo. E um dos pontos altos da programação, um Aulão de Capoeira, sábado, dia 29, às 16h, no Farol da Barra, promete reunir mais de mil participantes.
A Secretaria da Cultura (Secult-Ba), através do Instituto do Patrimônio Artístico e Cultural da Bahia é, pela terceira vez, um dos patrocinadores oficiais do projeto e o Forte de Santo Antônio além do Carmo, tombado e administrado pelo IPAC, será novamente um dos palcos do evento. As inscrições começam na próxima segunda feira, 10 de maio (2010) pelo endereço eletrônico www.capoeiradesaia.com.br ou presencialmente, no administração do Forte, situado na Praça Barão do Triunfo, Largo de Santo Antônio, s/n, Centro Histórico de Salvador.

Read Full Post »

Uma celebração da diversidade cultural vai acontecer em Salvador entre os dias 26 e 29 de maio. É o Tangolomanguinho – I Festival Infanto-Juvenil da Diversidade Cultural do Pelourinho, que vai promover o intercâmbio cultural e a produção compartilhada a partir do encontro de grupos populares infanto-juvenis. O resultado é uma apresentação única que mistura música, teatro, dança e circo. O projeto tem patrocínio da Oi e apoio Cultural do Oi Futuro, apoio institucional do Pelourinho Cultural, programa da Secretaria de Cultura do Estado da Bahia e parceria da Oi Kabum! Salvador.
O projeto surgiu do Tangolomango – Festival de Diversidade Cultural, que há nove  anos reúne grupos culturais do Brasil e da América Latina para trocarem experiências e criarem de forma colaborativa um único espetáculo. O Festival já aconteceu em Fortaleza, Recife, Salvador e Rio de Janeiro. O Tangolomanguinho se propõe a colaborar na formação dos artistas mirins para que tenham contato com as possibilidades que a produção artística coletiva proporciona. Com o tempo, os jovens percebem no dia-a-dia que esses termos, antes incompreensíveis, os tornam pessoas mais solidárias, participativas, criativas e familiarizadas com o sentido de diversidade e de pluralidade.

PROGRAMAÇÃO
Dia 26 de maio – quarta-feira
9h30 / 12h – Início do projeto – Largo Pedro Archanjo
Roda de apresentação dos grupos – quando os coordenadores de cada grupo apresentam seus projetos -, falas oficiais do projeto – quando os diretores do Tangolomanguinho explicam os objetivos do trabalho – e início das dinâmicas – os grupos, através de exercícios e brincadeiras de troca, começam a se conhecer e a se integrar;
12h – Almoço – Largo Pedro Archanjo
13h30 – Dinâmicas
15h30 / 17h30 – Oficinas
Música e Circo – Largo Pedro Archanjo
VJ e Arte – Oi Kabum!
17h30 – Lanche
18h – Encerramos o dia
(atividades direcionadas aos grupos participantes)

Dia 27 de maio – quinta-feira
9h30 / 12h – Dinâmicas – Largo Pedro Archanjo
Dinâmicas de integração e trocas de experiência entre os grupos participantes. Jogos de diferenças e afinidades. Observação pelos diretores do Tangolomanguinho dos grupos e membros que se identificam e início de um pré-roteiro;
12h – Almoço – Largo Pedro Archanjo
13h30 – Dinâmicas
15h30 / 17h30 – Oficinas
Música e Circo – Largo Pedro Archanjo
VJ e Arte – Oi Kabum!
17h30 – Lanche
18h – Encerramos o dia (atividades direcionadas aos grupos participantes)

Dia 28 de maio – sexta-feira

9h30 / 12h – Dinâmicas – Largo Pedro Archanjo
Continuação das dinâmicas de integração e trocas de experiência entre os grupos participantes. Brincadeiras e composições, já misturando os projetos e visualizando resultados. Elaboração do roteiro.
Obs: Primeiro ensaio integrado com exposição de ideias do esboço do roteiro inicial, primeiros jogos de afinidades possíveis entre cenas e passagens de um trabalho para o outro (fusões), jogos de aprendizagem (música, coreografia, textos) para promover o intercâmbio de técnicas e a vivência dos grupos, realizando e verificando tecnicamente o roteiro esboçado;
12h – Almoço – Largo Pedro Archanjo
13h30 – Dinâmicas
15h30 / 17h30 – Oficinas
Música e Circo – Largo Pedro Archanjo
VJ e Arte – Oi Kabum!
17h30 – Lanche
18h – Encerramos o dia (atividades direcionadas aos grupos participantes)

Dia 29 de maio – sábado
9h / 12h – Ensaio e montagem do espetáculo – Largo Pedro Archanjo
Ensaio geral para afinar o roteiro, qualificando a execução e distribuindo tarefas e responsabilidades técnicas e estéticas;
12h – Almoço – Largo Pedro Archanjo
13h30 – Continuação do  Ensaio geral
16h30 – Intervalo e produção – figurino e maquiagem
18h – Lanche
19h – Apresentação (ABERTA AO PÚBLICO)
21h – Encerramento

OBS:
As oficinas serão ministradas por artistas que possuem trabalhos reconhecidos e consolidados:
Oficina de Música: Orlângelo Leal (diretor da trupe cearense Dona Zefinha)
Oficina de VJ: Eletrocooperativa
Oficina de Circo: Circo Picolino
Oficina de Arte: André Cruz (cenógrafo)

Read Full Post »

Fortalecer a rede dos Pontos de Cultura do Extremo Sul, realizar um balanço do primeiro ano de atividades e alinhar o diálogo com a Secult-BA: partindo desses objetivos aconteceu, na última sexta-feira, dia 30 de abril, o I Encontro de Pontos de Cultura do Extremo Sul. Todos os dez pontos de Cultura do Território estiveram reunidos no Ponto de Cultura Viola de Bolso, em Eunápolis, com a Coordenadora Geral de Pontos de Cultura da Bahia, Renata Camarotti, e com a Representante Territorial de Cultura, Raquel Galvão.
O Encontro, fruto de uma articulação pioneira da Secult-BA e da representação do Fórum dos Pontos de Cultura no Extremo Sul, funcionou como um pontapé inicial para que ocorresse a troca de experiências entre os pontos com os pontos e entre os pontos com a Secretaria de Cultura. Os Pontos de Cultura presentes no evento, personificados pelos seus principais articuladores, foram: Troca de Saberes (Nova Viçosa), Cordão Caboclos Guaranis (Itapebi), Capoeira Raça (Eunápolis), Ciranda Cultural (Itabela), Memória do Povo Pataxó (Aldeia Velha – Porto Seguro), Cultura Pataxó (Sta. Cruz Cabrália), O artesanato na aldeia mãe (Barra Velha – Porto Seguro), Corredor Cultural Pacata (Porto Seguro), PerErê – Fortalecimento da Cultura Afro- Indígena (Caravelas) e Viola de Bolso (Eunápolis).  Selecionados em edital público de 2008, eles são responsáveis por articular, expandir e impulsionar ações que já desenvolvem nas comunidades, cumprindo as metas para a utilização do recurso de 60 mil/ano que é repassado pelo Estado.

Read Full Post »

« Newer Posts - Older Posts »